Brasileiros barram Kelly Slater no QS 6000 de Sydney

Os paulistas Jessé Mendes e Alex Ribeiro eliminaram a grande atração do Vissla Sydney Surf Pro

Os brasileiros estragaram a festa da torcida que vinha lotando a praia de Manly para assistir o onze vezes campeão mundial Kelly Slater competindo em Sydney depois de 15 anos. Na quinta-feira, os paulistas Jessé Mendes e Alex Ribeiro barraram a grande atração do segundo QS 6000 seguido na Austrália. Além deles, Thiago Camarão e o uruguaio Marco Giorgi também já passaram para a rodada classificatória para as oitavas de final do Vissla Sydney Surf Pro. Mais quatro brasileiros e dois peruanos, ainda vão disputar a terceira fase nas baterias que ficaram para abrir a sexta-feira às 7h00 na Austrália, 17h00 da quinta-feira no Brasil.

O pernambucano Ian Gouveia e o catarinense Mateus Herdy vão competir no primeiro confronto do dia, contra o australiano Dion Atkinson e o sul-africano Michael February. O líder do WSL Qualifying Series, Jadson André, enfrenta três surfistas de outros países na bateria seguinte, assim como o paulista Weslley Dantas na próxima. Já os peruanos Alonso Correa e Miguel Tudela, que defende a quinta posição no ranking, vão disputar as duas últimas vagas para a quarta fase com o sul-africano Beyrick De Vries e o australiano Liam O´Brien.
A terceira fase masculina só começou à tarde em Manly Beach, depois da terceira rodada feminina do QS 6000 de Sydney. A brasileira Tatiana Weston-Webb foi a única sul-americana a avançar para a fase classificatória para as oitavas de final. Para os homens, o dia não iniciou bem para o Brasil, com o cearense Michael Rodrigues e o baiano Bino Lopes ficando em último nas suas baterias, ambos terminando em 37.o lugar no Vissla Sydney Surf Pro.
Aí a praia lotou para assistir o maior ídolo do esporte, mas os brasileiros roubaram a cena e estragaram a festa da torcida eliminando o onze vezes campeão mundial Kelly Slater. Os paulistas Jessé Mendes e Alex Ribeiro pegaram as melhores ondas que entraram na bateria e usaram os aéreos para confirmar a dobradinha brasileira sobre o norte-americano, que ficou em último. Jessé ganhou por pouco, 14,67 a 14,07 pontos, somando notas 7,60 e 7,07 contra 7,57 e 6,50 de Alex Ribeiro, que vem embalado pela vitória no QS 6000 de Newcastle. Jessé já foi campeão do Vissla Sydney Surf Pro dois anos atrás, assim como Slater em 2004.
“Eu ganhei aqui quando as ondas estavam incríveis, então sempre adoro voltar à Sydney”, disse Jessé Mendes. “Sempre tem gente aqui acordando cedo para nadar, surfar e aproveitar o dia nesse lugar, por isso que aqui tem uma `vibe` saudável, muito boa, além de muitos fãs do surfe e eu gosto disso. Foi muito louco chegar antes da minha bateria e ver uma multidão enorme lotando a praia, pois a gente sempre soube o quão grande é o Kelly (Slater) no mundo todo. Eu estou no CT há algum tempo e já surfei contra ele, então a multidão não me preocupou muito e nem ele. Eu apenas fiz o meu trabalho e deu certo, então estou feliz”.
Kelly Slater lamentou a derrota, mas destacou o apoio da torcida em Sydney: “Eu não consegui encontrar ondas decentes, mas tinha umas ondas boas porque o Jessé (Mendes) e o Alex (Ribeiro) pegaram algumas. É ótimo estar de volta aqui em Sydney e foi impressionante ver esse público enorme na praia, muito legal ter esse apoio. Pena que eu saí do evento, mas estarei aqui no fim de semana competindo (bateria especial com o bicampeão mundial Tom Carroll) de novo para a torcida. Eu queria poder agradecer a cada um pessoalmente, mas é muita gente, então só posso dizer obrigado a todos pelo carinho”.
Quando Slater saiu do mar, a praia deu uma esvaziada quando entraram na água mais dois brasileiros para disputar o confronto seguinte. Nesse, o australiano Nicholas Squiers impediu outra dobradinha verde-amarela vencendo a bateria por 13,53 pontos. O paulista Thiago Camarão tirou a maior nota – 7,17 – para passar em segundo com 12,67, superando os 11,30 do catarinense Tomas Hermes, que ficou em terceiro lugar com o espanhol Vicente Romero em quarto. Tomas terminou em 25.o lugar no Vissla Sydney Surf Pro.
QUARTA FASE – Na próxima fase, Thiago Camarão vai competir junto com Jessé Mendes, disputando duas vagas para as oitavas de final com o francês Nomme Mignot. O também paulista Alex Ribeiro, campeão do QS 6000 Burton Automotive Pro domingo passado em Newcastle e número 4 no ranking do QS, entra na bateria seguinte com dois australianos, Jacob Willcox e Nicholas Squiers. Esta será a quarta da quarta fase e na quinta está o uruguaio Marco Giorgi com o português Vasco Ribeiro. Os dois ainda aguardam o outro adversário, que será definido nas baterias restantes da terceira fase que ficaram para a sexta-feira.
O uruguaio venceu o confronto que fechou a quinta-feira em Manly Beach, derrotando o australiano Matt Banting, com ambos eliminando o havaiano Joshua Moniz e o último chileno no evento, Manuel Selman. Marco Giorgi foi um dos 25 sul-americanos que entraram na primeira fase e é o único que segue na briga do título no QS 6000 de Sydney. Dos 25, apenas dez passaram suas baterias, o uruguaio, o chileno Manuel Selman, todos os três peruanos e somente cinco dos dezessete brasileiros. Os dois únicos argentinos também perderam.
Na segunda fase, os dez classificados se juntaram aos quatorze cabeças de chave da América do Sul, treze deles do Brasil, como os líderes do ranking, Jadson André e Alex Ribeiro. O outro era o peruano Alonso Correa. Desta vez, o Brasil teve um saldo mais positivo com dez passando suas baterias, inclusive os dois citados, porém sofreu mais oito baixas. Dos quatro peruanos, Alonso passou em segundo na sua estreia em Manly Beach e o top-5 do QS, Miguel Tudela, ganhou sua segunda bateria em Sydney. O uruguaio Marco Giorgi e o chileno Manuel Selman, completaram a lista dos classificados para a terceira fase na quarta-feira.
QS 6000 FEMININO – Na quinta-feira, o dia começou com a terceira fase feminina do QS 6000 de Sydney e a brasileira Tatiana Weston-Webb é a única sul-americana que continua na disputa do título na Austrália. Ela vai tentar vaga para as oitavas de final contra as australianas Dimity Stoyle e Isabella Nichols, vice-campeã do QS 6000 de Newcastle e vice-líder do ranking.
A argentina Josefina Ané, que tinha estreado com vitória em Manly Beach na terça-feira, foi eliminada em 37.o lugar, marcando 650 pontos no ranking. A equatoriana Dominic Barona, a peruana Melanie Giunta e a Tainá Hinckel, perderam na segunda fase e outras quatro sul-americanas não passaram da rodada inicial na segunda-feira em Sydney.
As etapas do QS 6000 masculina e feminina do Vissla Sydney Surf Pro estão sendo transmitidas ao vivo da Austrália pelo www.worldsurfleague.com e a primeira chamada para a continuação da terceira fase dos homens foi marcada para as 7h00 da sexta-feira em Manly Beach, 17h00 da quinta-feira no fuso horário de Brasília.
SOBRE A WORLD SURF LEAGUE - A World Surf League (WSL) tem como objetivo celebrar o melhor surfe do mundo nas melhores ondas do mundo, através das melhores plataformas de audiência. A Liga Mundial de Surf, com sede em Santa Mônica, na Califórnia, atua em todo o globo terrestre, com escritórios regionais na Austrália, África, América do Norte, América do Sul, Havaí, Europa e Japão.
A WSL vem realizando os melhores campeonatos do mundo desde 1976, realizando mais de 180 eventos globais que definem os campeões mundiais masculino e feminino no Championship Tour, além do Big Wave Tour, Qualifying Series e das categorias Junior e Longboard, bem como o WSL Big Wave Awards. A Liga tem especial atenção para a rica herança do esporte, promovendo a progressão, inovação e desempenho nos mais altos níveis, para coroar os campeões de todas as divisões do Circuito Mundial.
Os principais campeonatos de surf do mundo são transmitidos ao vivo pelo www.worldsurfleague.com e pelo aplicativo grátis WSL app. A WSL tem uma enorme legião de fãs apaixonados pelo surf em todo o mundo, que acompanham ao vivo as apresentações de grandes estrelas, como Tyler Wright, John John Florence, Paige Alms, Kai Lenny, Taylor Jensen, Honolua Blomfield, Mick Fanning, Stephanie Gilmore, Kelly Slater, Carissa Moore, Gabriel Medina, Courtney Conlogue, entre outros, competindo no campo de jogo mais imprevisível e dinâmico entre todos os esportes no mundo.
Para mais informações, visite o WorldSurfLeague.com.

QUARTA FASE DO QS 6000 VISSLA SYDNEY SURF PRO – baterias já formadas:
---------1.o e 2.o=Oitavas de Final e 3.o=17.o lugar com 1.050 pontos no QS
1.a: Reo Inaba (JPN), Soli Bailey (AUS), Jordan Lawler (AUS)
2.a: Stu Kennedy (AUS), Gatien Delahaye (FRA), Ian Gentil (HAV)
3.a: Jessé Mendes (BRA), Thiago Camarão (BRA), Nomme Mignot (FRA)
4.a: Alex Ribeiro (BRA), Jacob Willcox (AUS), Nicholas Squiers (AUS)
5.a: Vasco Ribeiro (PRT), Marco Giorgi (URU), 2.o da 9.a bateria da 3.a fase
6.a: Matt Banting (AUS), Hiroto Ohhara (JPN), 1.o da 9.a bateria
7.a: 1.o da 10.a e da 11.a baterias e 2.o da 12.a bateria da 3.a fase
8.a: 2.o da 10.a e da 11.a baterias e 1.o da 12.a bateria
TERCEIRA FASE – 3.o=25.o lugar com 700 pts e 4.o=37.o lugar com 650 pts:
----------resultados da quinta-feira:
1.a: 1-Reo Inaba (JPN), 2-Ian Gentil (HAV), 3-Joshua Burke (BRB), 4-Michael Rodrigues (BRA)
2.a: 1-Jordan Lawler (AUS), 2-Stu Kennedy (AUS), 3-Nat Young (EUA), 4-Tanner Gudauskas (EUA)
3.a: 1-Gatien Delahaye (FRA), 2-Soli Bailey (AUS), 3-Patrick Gudauskas (EUA), 4-Keijiro Nishi (JPN)
4.a: 1-Nomme Mignot (FRA), 2-Jacob Willcox (AUS), 3-Luke Gordon (EUA), 4-Bino Lopes (BRA)
5.a: 1-Jessé Mendes (BRA), 2-Alex Ribeiro (BRA), 3-Charly Quivront (FRA), 4-Kelly Slater (EUA)
6.a: 1-Nicholas Squiers (AUS), 2-Thiago Camarão (BRA), 3-Tomas Hermes (BRA), 4-Vicente Romero (ESP)
7.a: 1-Vasco Ribeiro (PRT), 2-Hiroto Ohhara (JPN), 3-Jackson Baker (AUS), 4-Cole Houshmand (EUA)
8.a: 1-Marco Giorgi (URU), 2-Matt Banting (AUS), 3-Joshua Moniz (HAV), 4-Manuel Selman (CHL)
----------ficaram para abrir a sexta-feira:
9.a: Ian Gouveia (BRA), Mateus Herdy (BRA), Dion Atkinson (AUS), Michael February (AFR)
10: Jadson André (BRA), Ricardo Christie (NZL), Barron Mamiya (HAV), Mitch Crews (AUS)
11: Matt Wilkinson (AUS), Weslley Dantas (BRA), Michael Dunphy (EUA), Ian Crane (EUA)
12: Miguel Tudela (PER), Alonso Correa (PER), Beyrick De Vries (AFR), Liam O´Brien (AUS)
RESULTADOS DOS SUL-AMERICANOS NAS PRIMEIRAS FASES:
SEGUNDA FASE – 3.o=49.o lugar com 400 pts e 4.o=73.o lugar com 370 pts:
----------resultados da quarta-feira:
1.a: 1-Michael Rodrigues (BRA), 2-Jordan Lawler (AUS), 3-Ketut Agus (IDN), 4-George Pittar (AUS)
2.a: 1-Joshua Burke (BRB), 2-Tanner Gudauskas (EUA), 3-Flavio Nakagima (BRA), 4-Matthew McGillivray (AFR)
5.a: 1-Nomme Mignot (FRA), 2-Keijiro Nishi (JPN), 3-Deivid Silva (BRA), 4-Keanu Asing (HAV)
6.a: 1-Gatien Delahaye (FRA), 2-Bino Lopes (BRA), 3-Kiron Jabour (HAV), 4-Ethan Ewing (AUS)
9.a: 1-Kelly Slater (EUA), 2-Vicente Romero (ESP), 3-Victor Bernardo (BRA), 4-Ramzi Boukhiam (MAR)
10: 1-Alex Ribeiro (BRA), 2-Thiago Camarão (BRA), 3-Wiggolly Dantas (BRA), 4-Noe Mar McGonagle (CRI)
12: 1-Tomas Hermes (BRA), 2-Jessé Mendes (BRA), 3-Benji Brand (HAV), 4-Krystian Kymerson (BRA)
13: 1-Cole Houshmand (EUA), 2-Marco Giorgi (URU), 3-Seth Moniz (HAV), 4-Yuri Gonçalves (BRA)
16: 1-Manuel Selman (CHL), 2-Jackson Baker (AUS), 3-Cooper Chapman (AUS), 4-Caio Ibelli (BRA)
17: 1-Ian Gouveia (BRA), 2-Ricardo Christie (NZL), 3-Quinn Bruce (AUS), 4-Tomas Tudela (PER)
18: 1-Mateus Herdy (BRA), 2-Barron Mamiya (HAV), 3-Dean Bowen (AUS), 4-Adin Masencamp (AFR)
19: 1-Mitch Crews (AUS), 2-Dion Atkinson (AUS), 3-Joh Azuchi (JPN), 4-Miguel Pupo (BRA)
20: 1-Jadson André (BRA), 2-Michael February (AFR), 3-Lucca Mesinas (PER), 4-Eithan Osborne (EUA)
22: 1-Ian Crane (EUA), 2-Alonso Correa (PER), 3-Leon Glatzer (ALE), 4-Reef Heazlewood (AUS)
23: 1-Liam O´Brien (AUS), 2-Wesley Dantas (BRA), 3-Jake Marshall (EUA), 4-Miguel Blanco (PRT)
24: 1-Miguel Tudela (PER), 2-Matt Wilkinson (AUS), 3-Chris Zaffis (AUS), 4-Joan Duru (FRA)
PRIMEIRA FASE – 3.o=97.o lugar com 120 pts e 4.o=121.o lugar com 75 pts:
------------resultados da segunda-feira:
1.a: 1-Ketut Agus (IDN), 2-Flavio Nakagima (BRA), 3-Rafael Teixeira (BRA), 4-Cody Young (HAV)
2.a: 1-Joshua Burke (BRB), 2-Jordan Lawler (AUS), 3-Vitor Mendes (BRA), 4-Wesley Leite (BRA)
4.a: 1-Reo Inaba (JPN), 2-Ian Gentil (HAV), 3-Jose Gundesen (ARG), 4-Ty Watson (AUS)
5.a: 1-Nomme Mignot (FRA), 2-Kiron Jabour (HAV), 3-Colt Ward (EUA), 4-Leandro Usuna (ARG)
6.a: 1-Gatien Delahaye (FRA), 2-Keijiro Nishi (JPN), 3-Tyler Gunter (EUA), 4-Lucas Silveira (BRA)
9.a: 1-Vicente Romero (ESP), 2-Noe Mar McGonagle (CRI), 3-Wesley Santos (BRA), 4-Heitor Alves (BRA)
10: 1-Wiggolly Dantas (BRA), 2-Victor Bernardo (BRA), 3-Pedro Neves (BRA), 4-Callum Robson (AUS)
12: 1-Krystian Kymerson (BRA), 2-Nicholas Squiers (AUS), 3-Joe Van Dijk (AUS), 4-Oney Anwar (IDN)
------------resultados da terça-feira:
13: 1-Marco Giorgi (URU), 2-Joshua Moniz (HAV), 3-Harley Ross (AUS), 4-Billy Stairmand (NZL)
14: 1-O´Neill Massin (TAH), 2-Yuri Gonçalves (BRA), 3-Guillermo Satt (CHL), 4-Samuel Pupo (BRA)
15: 1-Finn McGill (HAV), 2-Manuel Selman (CHL), 3-Jeronimo Vargas (BRA), 4-Nick Callister (AUS)
17: 1-Quinn Bruce (AUS), 2-Adin Masencamp (AFR), 3-Kevin Schulz (EUA), 4-Marcos Correa (BRA)
18: 1-Dean Bowen (AUS), 2-Tomas Tudela (PER), 3-Skip McCullough (EUA), 4-Makai McNamara (HAV)
20: 1-Lucca Mesinas (PER), 2-Joh Azuchi (JPN), 3-Jared Hickel (AUS), 4-Hiroto Arai (JPN)
21: 1-Michael Dunphy (EUA), 2-Leon Glatzer (ALE), 3-Hizunomê Bettero (BRA), 4-Marco Fernandez (BRA)
24: 1-Miguel Tudela (PER), 2-Miguel Blanco (PRT), 3-Morgan Cibilic (AUS), 4-Samson Coulter (AUS)
QUARTA FASE FEMININA DO QS 6000 SYDNEY SURF PRO:
---------1.a e 2.a=Oitavas de Final e 3.a=17.o lugar com 1.050 pontos no QS
1.a: Keely Andrew (AUS), India Robinson (AUS), Rachel Presti (ALE)
2.a: Malia Manuel (HAV), Ellie Brooks (AUS), Keala Tomoda-Bannert (HAV)
3.a: Bronte Macaulay (AUS), Bianca Buitendag (AFR), Sophie McCulloch (AUS)
4.a: Tatiana Weston-Webb (BRA), Isabella Nichols (AUS), Dimity Stoyle (AUS)
5.a: Alessa Quizon (HAV), Carol Henrique (PRT), Alyssa Spencer (EUA)
6.a: Brisa Hennessy (CRI), Zahli Kelly (AUS), Sara Wakita (JPN)
7.a: Mahina Maeda (JPN), Gabriela Bryan (HAV), Summer Macedo (HAV)
8.a: Caroline Marks (EUA), Vahine Fierro (FRA), Ella Williams (NZL)
RESULTADOS DAS SUL-AMERICANAS NAS PRIMEIRAS FASES:
TERCEIRA FASE – 3.a=25.o lugar com 700 pts e 4.a=37.o lugar com 650 pts:
------------resultados da quinta-feira:
6.a: 1-Tatiana Weston-Webb (BRA), 2-Bianca Buitendag (AFR), 3-Alysse Cooper (AUS), 4-Leticia Canales Bilbao (ESP)
8.a: 1-Brisa Hennessy (CRI), 2-Carol Henrique (PRT), 3-Holly Wawn (AUS), 4-Josefina Ané (ARG) 
SEGUNDA FASE – 3.a=49.o lugar com 400 pts e 4.a=61.o lugar com 385 pts:
------------resultados da terça-feira:
2.a: 1-Ellie Brooks (AUS), 2-Alyssa Lock (AUS), 3-Samantha Sibley (EUA), 4-Dominic Barona (EQU)
6.a: 1-Bianca Buitendag (AFR), 2-Sarah Baum (AFR), 3-Brianna Cope (HAV), 4-Melanie Giunta (PER)
8.a: 1-Josefina Ané (ARG), 2-Zahli Kelly (AUS), 3-Pacha Luque-Light (AUS), 4-Tessa Thyssen (FRA)
12: 1-Summer Macedo (HAV), 2-Ella Williams (NZL), 3-Leila Riccobuano (HAV), 4-Tainá Hinckel (BRA)
PRIMEIRA FASE – 3.a=73.o lugar com 370 pts e 4.a=85.o lugar com 255 pts:
------------resultados da segunda-feira:
1.a: 1-Camilla Kemp (PRT), 2-Alyssa Lock (AUA), 3-Mia McCarthy (AUS), 4-Izzi Gomes (COL)
6.a: 1-Brianna Cope (HAV), 2-Amuro Tsuzuki (JPN), 3-Kailani Johnson (IDN), 4-Karol Ribeiro (BRA)
8.a: 1-Tessa Thyssen (FRA), 2-Felicity Palmateer (AUS), 3-Tru Starling (AUS), 4-Monik Santos (BRA)
10: 1-Ren Hashimoto (JPN), 2-Eveline Hooft (HOL), 3-Anne dos Santos (BRA), 4-Nakia Fleuren (AUS)
12: 1-Tainá Hinckel (BRA), 2-Sophia Fulton (AUS), 3-Lara Damelian (AUS), 4-Sophie Fletcher (AUS)

 

 

Ecovias

ecovias