Mostra Barroco Ardente e Sincrético reúne obras dos séculos 17 ao 19

A seleção das quase 170 obras fica no Sesc Santos até o dia 1° de julho

As obras do mestre Aleijadinho e as igrejas mineiras são as referências mais óbvias dos reflexos da arte barroca no Brasil. A exposição Barroco Ardente e Sincrético – Luso-Afro-Brasileiro, está em cartaz no Sesc Santos e revela que sua influência vai muito além do universo religioso.

A seleção das quase 170 obras fica no Sesc Santos até o dia 1° de julho e representa um terço da que pode ser vista no Museu Afro Brasil. Ainda assim uma mostra de extrema relevância histórico-cultural.

O curador da exposição, Emauel Araújo, do Museu Afro Brasil, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, que recebeu a mostra de agosto a início de março, considera essa exposição extraordinária. “Fazemos um recorte de um movimento artístico extraordinário que vem desde o século 17, na Europa, e mostramos que o Brasil é um país barroco, cujo espírito se manifesta no carnaval, nos bordados do bumba-meu-boi, nos estandartes do maracatu e muito mais”, comenta Araújo.

O visitante adentra uma espécie de labirinto, com iluminação cenográfica, que ressalta os efeitos de luz e sombra tão desejados pelos mestres artífices em suas esculturas de santos, anjos e querubins em terracota e madeira, confeccionadas entre séculos 17 e 19. Uma trilha sonora especialmente pensada para a mostra mistura o clima sacro ao profano.

As obras pertencem a coleções particulares e públicas, de diferentes museus de arte sacra do País, e são de autoria dos mais expressivos artistas do barroco no Brasil.

Vale destacar que o santista Jesuíno Francisco de Paula Gusmão está com alguns dos seus trabalhos expostos, dentre eles, dois óleos sobre madeira, representando Jesus Cristo. Também fazem parte da mostra, obras sacras de Portugal e criações de autores anônimos dentro da vertente sincrética do barroco.

A mostra fica em cartaz na Área de Convivência do Sesc Santos — rua Conselheiro Ribas, n° 136 — de terça a sexta, das 10h às 21h30, e sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h30. Mais informações: 3278-9800.

 

 

Ecovias

ecovias