Etapa do Circuito de Surf Amador garante resultados positivos

A decisão foi tomada após uma comissão dos proprietários de quiosques protocolarem uma denúncia no Ministério contra a prefeitura

 

Nada impediu que a primeira etapa do Circuito de Surf Amador de Praia Grande fosse um sucesso. A quarta edição do evento reuniu mais de 100 atletas na praia do Boqueirão, no fim de semana, dias 5 e 6.

Após as competições, os excelentes resultados só fizeram destacar ainda mais o esporte no Município. As baterias foram divididas em oito categorias e a classificação separada entre o ranking geral e o da Cidade.

No ranking geral, John Müller (Guarujá) venceu na categoria petit; Ryan Araújo (Guarujá) obteve vitória pela estreante; Yuri Beltrão (Guarujá) subiu ao pódio pela iniciante; Renan Rodrigues (São Sebastião) conquistou título pela mirim; Gustavo Matos (Praia Grande) se destacou na júnior; Alax Soares (Guarujá) na open; Anderson Robert (Praia Grande) na máster e Melissa Policarpo (Guarujá), no feminino.

Já no ranking municipal, Thiago Doncev se destacou na petit, Kauê Alohinha na estreante, Kaique Carvalho na iniciante, Gustavo Giovanardi na mirim, Gustavo Matos na júnior, Wandeson Silva na open, Anderson Robert na máster e Maria Beatriz no feminino.

De acordo com o diretor de Marketing da Associação Praia Grande de Surf (APGS), Fábio Doncev, o evento ultrapassou as expectativas. “A etapa foi um sucesso e não esperávamos isso. Claro que trabalhamos para que tudo realmente acontecesse de forma positiva, mas ultrapassou o que esperávamos. Foi uma série de atitudes assertivas da equipe que resultaram nestas ações”, opinou.

O Circuito será dividido em três etapas. As demais estão previstas para acontecer em 11 e 12 de agosto, na praia do Tupi; e em 13 e 14 de outubro, na do Caiçara. As datas podem ser modificadas dependendo da situação das ondas.  

O diretor também contou que a próxima fase já está em andamento. “O planejamento para a segunda etapa já começou em março. Na sexta-feira agora [dia 11] faremos uma reunião em relação aos custos da primeira para darmos andamento nas competições”.

Mais informações podem ser obtidas pela página do facebook da APGS @associacaopgsurf.

DA REGIÃO PARA O MUNDO – Quem também teve motivos para comemorar no final de semana foi o surfista Rodrigo Koxa. O atleta de Jundiaí, que mora no Guarujá, se tornou o novo recordista mundial por ter surfado a maior onda da história no dia 8 de novembro de 2017, em Nazaré, Portugal. O feito foi legitimado este mês pelo Guinness World Records por ter 24,38 metros ou 80 pés.

Ele foi recebido na cidade na sexta-feira, dia 4, com direito a desfile em carro aberto do Corpo de Bombeiros pelas praias do Município, carregando o troféu conquistado no Big Wave Awards, da World Surf League (WSL).

Larissa França

 

 

Ecovias

ecovias