Pavimentação drenante é nova tecnologia contra alagamentos

Rua Carlos José Borstens, no bairro Aviação, recebeu a nova pavimentação permeável nesta quinta

Uma nova tecnologia está sendo usada na pavimentação de ruas em Praia Grande, o asfalto permeável, que drena a água das chuvas e evita alagamentos. A primeira via com essa nova técnica foi entregue pela Prefeitura na quinta-feira, dia 27. Na oportunidade, um caminhão pipa fez a demonstração de como funciona o material.

A técnica foi desenvolvida e estudada pela Fundação Centro Tecnológico de Hidráulica (FCTH) e pela Universidade de São Paulo (USP). De acordo com a secretária de Obras Públicas (Seop), Eloisa Ojea, quando há grande precipitação de chuva é comum pontos de acúmulo de água em algumas vias, causando transtornos para motoristas e moradores. “Isso acontece por causa do curto período em que o sistema de drenagem recebe essa grande quantidade de água, aliada à impermeabilidade da pavimentação convencional. O asfalto permeável é um recurso que permite a absorção das águas das chuvas e é essa engenharia que a Prefeitura utilizou nesta obra”, explicou.

Este tipo de pavimentação possui algumas camadas. A de revestimento superficial (da pista) é formada por pedras unidas pelo cimento betuminoso (asfalto). Essa composição permite pequenos espaços vazios entre si, desta forma, a água penetra na camada abaixo (interna), formada por pedras maiores (brita) e com mais espaço entre si, o que permite armazenar o que vem da superfície. Depois de armazenada por algumas horas, a água escoa para o sistema de drenagem.

Para que funcione adequadamente todo o sistema do asfalto permeável foi feito sobre um fundo impermeável, isto é, ocorreu a colocação de uma lona plástica ao longo da via. Isso foi necessário porque o nível do lençol freático de Praia Grande, como o da maioria das cidades da Baixada Santista, é alto (por volta de 1 metro) e a implantação do pavimento permeável só pode ser feita se seu fundo for impermeável.

Este tipo de asfalto consegue até 50% de permeabilidade e pode ser implantado em substituição a pavimentação comum em diversos tipos de áreas, como vias de tráfego leve, calçadas, praças, pátios e estacionamentos, auxiliando no controle de alagamentos e reduzindo a formação de poças de água.

Para o comerciante e morador do Aviação, Manoel Madeira, o novo asfalto já provou sua eficiência. “Depois da pavimentação realmente acabaram os alagamentos. Antes a frente da loja ficava, sempre que chovia, empossada. Agora está sem problema. Sobre a obra só quem acompanhou sabe como é que é por baixo do asfalto. Não aparece, mas foi um trabalho de especialistas mesmo. E o melhor é que a obra ficou pronta rápido. A Prefeitura está de parabéns”.

 

Ecovias

ecovias