Especial
Campanha reforça perigo dos raios durante o verão

Como forma de conscientização são usados banners, faixas e panfletos, que foram distribuídos em diferentes pontos de Praia Grande

Leia mais...
 
Reforço da PM e reconhecimento facial são apostas para segurança em PG

Além do aumento no número de policiais, há também novidades no monitoramento e trabalho em conjunto com outras secretarias

Leia mais...
 
Limpeza e manutenções serão intensificadas para a temporada em PG

Serviços começam neste sábado, dia 15, e pretendem seguir até o final de janeiro

Leia mais...
 
Limpeza e manutenções serão intensificadas para a temporada em PG

Serviços começam neste sábado, dia 15, e pretendem seguir até o final de janeiro

Com a intenção de manter a Cidade organizada durante a temporada, ações de limpeza e manutenção serão intensificadas a partir deste sábado, dia 15, momento em que o número de pessoas que circulam pelas vias aumenta.

Para isso, a Secretaria de Serviços Urbanos (Sesurb) trabalhará em toda a faixa de areia e calçadão da orla da praia. As atividades estão previstas para seguirem até o final de janeiro.

O serviço contará com a ampliação no número de funcionários e maquinários, haverá a colocação de novas caçambas para o descarte de lixo no trecho e além da limpeza ao longo do dia, serão realizados diariamente serviços durante a noite, sempre a partir das 20h, envolvendo aproximadamente 400 servidores. O setor colocará também novas caçambas de 1.000 litros para que sejam colocados os resíduos.

O reforço acontecerá em trechos com um fluxo de pessoas considerado grande, especialmente durante a alta temporada de verão, como a avenida Marechal Mallet, avenida Presidente Costa e Silva, rua Doutor Vicente de Carvalho e avenida dos Sindicatos.

ANO NOVO - Durante reunião que anunciou os detalhes da Operação Verão no município, na quinta-feira, dia 12, o titular da Sesurb, Katsu Yonamine, informou que haverá o acréscimo de nove caminhões na coleta de lixo domiciliar, para atender melhor a demanda de resíduos. Além da limpeza a partir das 20h, na virada do ano a equipe trabalhará das 2h às 8h.

“De 31 de dezembro de 2017 para 1º de janeiro deste ano coletamos 645 toneladas de lixo na orla da praia e calçadão. É um volume grande em um pequeno prazo de tempo para recolhê-lo. Serão 50 caminhões, seis carregadeiras, 12 retroescavadeiras e quatro varredeiras. Todos os equipamentos são usados como suporte e assim dar tempo de, ao amanhecer, as pessoas poderem aproveitar a praia. Com certeza o Município manterá a qualidade”, destacou.      

Toda a equipe é setorizada para que os serviços sejam melhor distribuídos. A Divisão de Limpeza da Orla (Regional 2), é responsável pelo trecho do bairro Canto do Forte ao Mirim, e a Divisão de Manutenção de Vias (Regional 4), fica com o trecho entre o Maracanã e o Solemar. Destes, os grupos são subdivididos em três: a de limpeza do calçadão, a que realiza o serviço na faixa de areia e os funcionários que trabalham no apoio (entre setores administrativos, motoristas, ajudantes de caminhão e coletores de lixo recolhidos na orla).


Yonamine salientou ainda que a conservação da limpeza depende de toda a população. “Ao longo de toda orla estão instaladas lixeiras, portanto a colaboração dos moradores e turistas é essencial para manter o trecho sempre limpo e bonito. Não somente durante a temporada, mas ao longo de todo ano”, finalizou.

17/12/2018
Texto: Larissa França
Crédito: Divulgação/PMPG

 
Crea-SP fiscaliza eventos temporários de Praia Grande

Ação foi realizada pelo Crea-SP em parceria com a Prefeitura; foram vistoriados circos, parques infantis, arenas, brinquedos entre outras atividades que acontecem durante o verão

Na estação mais quente do ano diversas atrações de lazer são instaladas temporariamente entre os bairros e visando a segurança da população, todos os equipamentos itinerantes passaram por fiscalização intitulada como Operação Verão.

As ações começaram a ser realizadas de segunda a sexta-feira, entre os dias 10 e 14, comandadas por agentes fiscais do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia de São Paulo (Crea-SP). Nos dois últimos dias houve a intensificação dos trabalhos e a presença das equipes da Prefeitura, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, entre outros órgãos.

Dos espaços vistoriados houve a verificação do Kartódromo, no bairro Sítio do Campo, que receberá primeira apresentação do projeto Estação Verão Show nesse sábado, dia 15. Além dele, tendas, palcos, arenas, arquibancadas, parques de diversões e circos fizeram parte das inspeções.

Segundo o gerente regional da 4ª Região do Crea-SP, Arthur Ferreira, as ações vêm sendo intensificadas a cada ano. “É comum que cidades turísticas ofereçam atrativos, mas o grande fluxo de pessoas pode causar acidentes. Nossa função é fazer a prevenção, avaliando se as pessoas contratadas são realmente qualificadas para a função, como a instalação de geradores, iluminação e mesas de shows”, explicou.

O profissional informou que durante a semana foram averiguados os locais já montados e documentos de empresas já contratadas para janeiro. “No próximo mês haverá outros eventos e continuaremos os trabalhos.”

Ainda não foi divulgado o número de irregularidades. Por enquanto as empresas que apresentarem algum erro serão notificadas e terão um prazo de dez dias úteis para tomar as providências e justificar a falha, sendo possível prorrogar o prazo estipulado. Caso a empresa ignore a notificação, o Crea-SP emitirá outro aviso e se nada for resolvido, e nenhuma explicação for apresentada, a empresa poderá ser multada.

Ferreira acredita que a população tem tomado ciência dos riscos e também cobra segurança dos organizadores. “Com o incêndio da boate Kiss em 2013, as pessoas estão mais atentas às saídas de emergência, Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), extintores e consequentemente o mercado vai se adequando as novas medidas, o que não acontecia no passado”, comentou o gerente do Crea, que acrescentou. “É preciso prestar atenção aos equipamentos, principalmente os infantis. Piscinas de sabão, de bolinhas e outros brinquedos estão cada vez mais altos e precisam estar fixados na areia ou no chão, pois se acontece uma rajada de vento e não estiver preso têm o risco de virar.”

De acordo com o secretário de Urbanismo (Seurb), Alexander Ramos, é de grande importância fiscalizações conjuntas. “As ações são ligadas a Subsecretaria de Controle Urbano (Contru), em que fazemos a vistoria de várias atividades do Município e essa sinergia com autarquias públicas, que realizam essa mesma atividade só reforçam e visam à proteção da sociedade”, declarou. “Vamos continuar as ações e a medida que cada evento for montado, como os shows nos bairros Samambaia, Quietude e Caiçara, vamos fazendo as vistorias.”

LITORAL – A operação também foi realizada nas demais cidades do Litoral. Nas ações, 11 agentes fiscais do Crea-SP foram divididos em dois grupos: cinco atuam no Litoral Norte, nas cidades de Ubatuba, Caraguatatuba, São Sebastião e Ilhabela; e seis profissionais pela Baixada Santista e Litoral Sul, nas cidades de Bertioga, Guarujá, Santos, São Vicente, Praia Grande, Mongaguá, Itanhaém, Peruíbe, Iguape, Cananéia e Ilha Comprida. Os três últimos lugares serão fiscalizados da próxima segunda a sexta-feira, entre os dias 17 e 21.

A novidade é que atualmente também fiscalizam marinas e garagens náuticas, já que esses espaços servem para guardar as embarcações e também fazer reparos e manutenções. Por isso, é preciso ter pessoas capacitadas, pois são elas que serão responsáveis por qualquer falha mecânica na embarcação.

17/12/2018
Texto: Larissa França
Foto: Divulgação/Crea-SP

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL

Ecovias

ecovias