Especial
Caps de Praia Grande comemora aniversário de 9 anos

O Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de Praia Grande, gerenciado pela Secretaria de Saúde Pública (Sesap), completa 9 anos de funcionamento este ano. Por isso, na quinta-feira, dia 4, a partir das 10h, ocorre uma festa em alusão à data na sede da unidade, no bairro Boqueirão.

O Caps funciona quase como um hospital dia, em que o paciente chega pela manhã na unidade, onde permanece sob tratamento, e é liberado no final da tarde. No local, são realizadas atividades terapêuticas ocupacionais e físicas, além da administração de medicamentos. Para quem tem dificuldade de locomoção, um veículo busca e leva os pacientes em suas residências.

A unidade desenvolve com os pacientes eventos em comemoração a datas especiais como Dia das mães e Natal, ao longo de todo ano. O Município utiliza e defende o modelo centrado na integração do paciente à sociedade. Os profissionais do Caps entendem que uma das partes fundamentais destas celebrações é a participação dos familiares dos atendidos.

Os pacientes são adultos portadores de distúrbios mentais, como esquizofrenia, neuroses, psicoses, transtornos e depressão. A indicação é feita por médicos das unidades básicas de saúde, que encaminham os casos ao Ambulatório de Saúde Mental, responsável pela triagem. Somente os pacientes em estados mais graves vão para internação no Hospital Municipal Irmã Dulce. Após a alta, eles são reencaminhados ao Caps para a continuidade do tratamento visando a reabilitação

O Caps está localizado na rua Cidade de Santos, nº 89, bairro Boqueirão.

Obra - Nos próximos meses, a Sesap colocará em funcionamento outras duas unidades semelhantes, o Caps “i” e o Caps AD. Os locais terão tratamento voltado a crianças, jovens e adultos com dependência de álcool e drogas, também no Boqueirão.

 

 


Praia Grande, dia 2 de outubro de 2012

Fonte: DeCom/PMPG

15:50  Terça-feira 

 
Crianças têm aula especial de trânsito em PG

Aproximadamente 300 alunos, com idades entre 7 e 10 anos, da Escola Municipal de Praia Grande José Julio Martins Batista, no bairro Sítio do Campo, receberam, na tarde de quinta-feira, dia 27, palestra com agentes de trânsito sobre regras e dicas de segurança para pedestres, ciclistas e condutores de veículos. A ação, promovida pela Secretaria de Trânsito e Transporte de Praia Grande (Setransp), contou ainda com a entrega do álbum de figurinhas Tom e o Lobo, Uma Aula de Educação de Trânsito para Crianças, que ensina regras de trânsito de forma lúdica. Os trabalhos seguem até dia 11 de outubro e atenderão alunos de ensino fundamental da Cidade.

Segundo chefe da Seção de Educação e Segurança no Trânsito, Elaine Fornazieri,  o álbum figurinha está sendo entregue a todas as unidades de ensino infantil e fundamental. Já palestra complementar está sendo solicitada por algumas escolas.

A assistente técnico pedagógico da José Julio Martins, Janaína Martinho dos Humildes, informou que o trabalho de educação de trânsito é constante com os alunos da escola. “Há mais de quatro anos realizamos trabalho de educação com as crianças e já notamos que o número de acidentes envolvendo alunos que vão para a escola de bicicleta caiu bastante”. Segundo Janaína, o álbum de figurinhas entregue pela Setransp será utilizado em diversas atividades em sala de aula.

As atividades tiveram início durante a Semana Nacional de Trânsito que ocorreu entre os dias 18 e 25. Foram distribuídos 2 mil álbuns de figurinhas Tom e o Lobo, Uma Aula de Educação de Trânsito para Crianças, cinco mil sacolinhas de câmbio, além de folhetos e adesivos da campanha Trânsito + Gentil, da Porto Seguro.

Confira cronograma das escolas:

- 28 de setembro

EM Carlos Roberto Dias

EM Mário Santini

EM Elza Oliveira de Carvalho

 

- 1º de outubro

EM Izabel Figueroa

EM José Padin Mouta

EM Lions Clube Ocian

 

- 2 de outubro

Projeto SOS Bombeiros

 

- 3 de outubro

EM Antonio Perez

EM Maria Nilza da Silva Romão

 

- 4 de outubro

EM Roberto Shoji

EM Ary Cabral

 

- 5 de outubro

EM Sebastião Tavares

EM Thereza Magri

 

- 8 de outubro

EM Paulo Shigueo

EM Vila Mirim

EM Governador Mário Covas

 

- 9 de outubro

EM. G. Franco Montouro

EM Rubens Lara

 

- 10 de outubro

EM Maria Clotilde Lopes Rigo

EM Domingos Soares

EM Wilson Guedes

 

- 11 de outubro

EM Joaquim Augusto Ferreira Mourão

EM Cidade da Criança

Em Mário Possani

 
Governo acredita que poderá erradicar a dengue com novas vacinas em até dez anos

Durante o 18º Congresso Internacional de Medicina Tropical e Malária, no Rio de Janeiro, o Ministério da Saúde apresentou novo método para eliminar a dengue no País. A ação consiste no desenvolvimento de uma bactéria que contamina o mosquito Aedes aegypti e vacinas contra a dengue.

Leia mais...
 
Pessoas com 60 anos ou mais de idade já representam 12% da população do País

A população brasileira chegou a 195,2 milhões de habitantes em 2011, segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), divulgada nesta sexta-feira, dia 21, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). As pessoas com 60 anos ou mais de idade representam 12,1% da população total.

De acordo com o IBGE, 23,3% da população tinham até 14 anos em 2011, 16,9% de 15 a 24 anos e 47,8% entre 25 e 59 anos.

A pesquisa também mostrou que 47,8% dos brasileiros se declararam brancos, 43,1% disseram se considerar pardos e 8,2% pretos. Os índios representam 0,4% da população e os amarelos, 0,6%. A Região Norte concentra a maioria dos pardos (67,9%) e também dos indígenas (1,6%) entre a população regional, enquanto o Nordeste tem a maior concentração de pretos (10,5%).

A região com maior número de brancos é a Sul (77,8%). Já as regiões Sudeste e Centro-Oeste são aquelas que concentram a população de amarelos (0,7%).

Segundo a Pnad, 57,1% dos brasileiros com 15 anos ou mais idade viviam em algum tipo de união conjugal, enquanto 21% estavam separados e 22% eram solteiros. Quase 60% dos homens viviam em união, contra 54,8% das mulheres.

 

 

 

 

 

Fonte: ABr
17:44  Sexta-feira
Praia Grande, dia 21 de setembro de 2012 

 
Praia Grande tem queda em índices de desemprego

O índice de desemprego em Praia Grande caiu para 13,52%, conforme pesquisa realizada pelo Núcleo de Pesquisas e Estudos Socioeconômicos (Nese), ficando abaixo dos 15,69% registrados no ano passado.

Os números foram avaliados positivamente pelo secretário de Relações de Emprego e Trabalho, Getúlio de Matos, que levou em consideração ainda os números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego, para analisar a situação atual da Cidade.

De acordo com o Caged, Praia Grande ocupa a 3ª posição em geração de empregos na Baixada Santista, com 199 postos criados até julho deste ano, ficando atrás apenas de Santos e Guarujá, com 3.147 e 561 postos respectivamente. “As cidades que têm melhor desempenho são justamente as cidades atendidas pelo Porto. Fazendo essa comparação, considero os números de Praia Grande positivos”, afirmou Matos. Em um ano, a Cidade gerou 994 empregos.

Matos acredita que os números apresentados tanto pelo Nesse como pelo Caged representam uma tendência para os próximos anos. “A região é metropolitana e os empregos circulam. Acredito que essa circulação das vagas comece a acontecer também para a outra extremidade da região, uma vez que Santos e Guarujá estão em uma dessas extremidades. Praia Grande está no centro e tem como crescer nesse sentido”. O setor de serviços é um dos que mais empregam em Praia Grande.

 

 



Fonte: DeCom/PMPG
14:40  Sexta-feira
Praia Grande, dia 21 de setembro de 2012 

 
<< Início < Anterior 131 132 133 134 135 136 137 138 139 140 Seguinte > Final >>

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL

Ecovias

ecovias