Gazeta do Litoral


Confira expediente do feriado em Praia Grande

Praia Grande não terá expediente nas repartições públicas municipais durante o feriado nacional da Proclamação da República, comemorado nesta quinta-feira (15), e também na sexta-feira (16), ponto facultativo (decreto municipal n° 5.182). Apenas os serviços essenciais funcionarão normalmente. O expediente normal retorna na segunda-feira (19). Na Cidade, não será feriado no Dia da Consciência Negra.

 

Nos dias 15 e 16, o Paço Municipal permanecerá fechado para atendimento ao público. Trabalham os funcionários dos prontos socorros, Hospital Municipal, coleta de lixo, Guarda Civil Municipal, limpeza das praias, feiras livres. As feiras de artesanato funcionam normalmente.

 

A Prefeitura de Praia Grande esclaree que o Dia da Consciência Negra (comemorado em 20 de novembro) foi instituído através da Lei Federal n° 12.519, que considera a data como feriado facultativo. Desta forma, os estados e municípios decidem se oficializam o feriado na data. No Estado de São Paulo, não existe uma lei estadual que determine feriado para o dia.

 

De acordo com o Decreto nº 1.506/10, em Praia Grande há três feriados municipais, todos de tradição religiosa: Sexta-feira da Paixão e Corpus Christi (datas móveis, comemoradas este ano em 22 de abril e 23 de junho, respectivamente) e São Pedro Apóstolo, padroeiro da Cidade. O Município também segue um feriado estadual, a data magna do Estado de São Paulo no dia 9 de Julho (Revolução Constitucionalista).

 

Confira o que funciona:

 

Atendimento de emergência: a população conta com dois prontos socorros nos bairros Boqueirão (dentro do Complexo de Saúde Irmã Dulce) e Quietude (Avenida Ministro Marcos Freire). A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) funciona 24 horas e está localizada na esquina das avenidas Marginal e Corretor de Imóveis, no Bairro Samambaia. Para solicitar remoção de ambulância, basta ligar 192.

 

Unidades Básicas de Saúde e de Saúde da Família – não funcionam.

 

Hospital Municipal - atende normalmente.

 

Guarda Civil Municipal - expediente normal. Atendimento no telefone 199.

 

Coleta de lixo domiciliar e seletiva – atendimento normal.

 

Limpeza das praias – diurna e noturna, da faixa de areia e do calçadão da orla.

 

Feiras livres – serão realizadas normalmente.

 

Liberação de veículos – Fechado. Expediente normal na segunda-feira (5), das 8 horas às 12 horas e das 14 às 17 horas.

 

Fiscalização de Trânsito, Transportes e Engenharia de Tráfego – expediente normal.

 

Boutique de Peixes (na praia, altura da Rua Rui Barbosa, Canto do Forte) e Mercado de Peixes (praia, altura da Rua Carlos Gomes, Bairro Ocian) - funcionam de segunda a sábado, das 7 às 18 horas; e domingo, das 7 às 14 horas.

 

Feiras de artesanato (Guilhermina, Ocian e Caiçara) – Inicia atividades a partir das 14 horas.

 

Posto de Informações Turísticas (PIT) - funciona das 9 às 18 horas, na esquina das avenidas Castelo Branco e dos Sindicatos, no Bairro Mirim.

 

 

 

 

Gazeta do Litoral
11:50  Quinta-feira
15 de Novembro de 2012 

 

 
Venda de terras em larga escala pode agravar insegurança alimentar

A venda de terras de comunidades tradicionais em larga escala pode agravar a insegurança alimentar, principalmente com a concentração da posse por grupos estrangeiros. O alerta está no relatório Situação da Terra, divulgado, nesta terça-feira, dia 16, Dia Mundial da Alimentação, pela ONG ActionAid.

No levantamento, a organização analisa o avanço das grandes aquisições de terra em 24 países da América Latina, África e Ásia, inclusive no Brasil, e aponta os riscos desse mercado para as comunidades tradicionais, principalmente as mulheres, considerado o grupo mais vulnerável.

Com a concentração da terra na mão de estrangeiros, a produção agrícola passa a ser focada na exportação e a produção local fica marginalizada, comprometendo a sobrevivência das comunidades e os preços dos alimentos no mercado interno.

“Em geral, as grandes aquisições envolvem transferência de direitos do uso da terra das comunidades para os investidores, colocando grandes áreas – e a água – nas mãos de poucos, em detrimento dos pequenos produtores”, diz o texto.

O fenômeno do comércio de terras em larga escala tem avançado nos últimos anos estimulado pelo aumento do preço dos alimentos e pela expansão da produção de biocombustíveis, que elevam a demanda por áreas agricultáveis.

Segundo dados da ActionAid, no Brasil, 56% da terra agricultável do País estão nas mãos de 3,5% dos proprietários rurais. Os 40% mais pobres têm apenas 1% dessas terras.

De acordo com o estudo, a estrangeirização de terras no Brasil ainda é um fenômeno relativamente recente, mas já há pelo menos 4 milhões de hectares em mãos de grupos internacionais, a maior parte empresas ligadas à produção de soja e de cana-de-açúcar para a fabricação de etanol. Entre 2002 e 2008, foram aplicados cerca de US$ 47 bilhões de investimento externo direto no agronegócio brasileiro.

A pesquisa reconhece os resultados de programas sociais como o Bolsa Família e iniciativas de fortalecimento da agricultura familiar, mas aponta a necessidade de efetiva implementação de políticas para proteger populações mais vulneráveis à exploração fundiária. Entre as recomendações, estão o aumento da criação de assentamentos da reforma agrária, o reconhecimento de territórios indígenas e quilombolas e a ampliação da regulação de compra de terras por estrangeiros, para aumentar o controle desse comércio.

A implementação da Política Nacional de Agroecologia e Produção Orgânica, regulamentada em agosto, e a redução drástica no uso de agrotóxicos na agricultura nacional também estão entre as sugestões do documento para o caso brasileiro.

 

 

 

Praia Grande, dia 16 de outubro de 2012

Fonte: ABr

11:23  Terça-feira

 

 
Zoonoses e Associação contam com animais para doações em Praia Grande

Com 13 anos de criação, o Dia Nacional de Adotar um Animal é comemorado no dia 4 de outubro. A data serve como o próprio nome diz para reforçar a importância do adotar, já que há vários animais que sofrem com o abandono ou são vítimas de maus-tratos.

Leia mais...
 
Caps de Praia Grande comemora aniversário de 9 anos

O Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de Praia Grande, gerenciado pela Secretaria de Saúde Pública (Sesap), completa 9 anos de funcionamento este ano. Por isso, na quinta-feira, dia 4, a partir das 10h, ocorre uma festa em alusão à data na sede da unidade, no bairro Boqueirão.

O Caps funciona quase como um hospital dia, em que o paciente chega pela manhã na unidade, onde permanece sob tratamento, e é liberado no final da tarde. No local, são realizadas atividades terapêuticas ocupacionais e físicas, além da administração de medicamentos. Para quem tem dificuldade de locomoção, um veículo busca e leva os pacientes em suas residências.

A unidade desenvolve com os pacientes eventos em comemoração a datas especiais como Dia das mães e Natal, ao longo de todo ano. O Município utiliza e defende o modelo centrado na integração do paciente à sociedade. Os profissionais do Caps entendem que uma das partes fundamentais destas celebrações é a participação dos familiares dos atendidos.

Os pacientes são adultos portadores de distúrbios mentais, como esquizofrenia, neuroses, psicoses, transtornos e depressão. A indicação é feita por médicos das unidades básicas de saúde, que encaminham os casos ao Ambulatório de Saúde Mental, responsável pela triagem. Somente os pacientes em estados mais graves vão para internação no Hospital Municipal Irmã Dulce. Após a alta, eles são reencaminhados ao Caps para a continuidade do tratamento visando a reabilitação

O Caps está localizado na rua Cidade de Santos, nº 89, bairro Boqueirão.

Obra - Nos próximos meses, a Sesap colocará em funcionamento outras duas unidades semelhantes, o Caps “i” e o Caps AD. Os locais terão tratamento voltado a crianças, jovens e adultos com dependência de álcool e drogas, também no Boqueirão.

 

 


Praia Grande, dia 2 de outubro de 2012

Fonte: DeCom/PMPG

15:50  Terça-feira 

 
Crianças têm aula especial de trânsito em PG

Aproximadamente 300 alunos, com idades entre 7 e 10 anos, da Escola Municipal de Praia Grande José Julio Martins Batista, no bairro Sítio do Campo, receberam, na tarde de quinta-feira, dia 27, palestra com agentes de trânsito sobre regras e dicas de segurança para pedestres, ciclistas e condutores de veículos. A ação, promovida pela Secretaria de Trânsito e Transporte de Praia Grande (Setransp), contou ainda com a entrega do álbum de figurinhas Tom e o Lobo, Uma Aula de Educação de Trânsito para Crianças, que ensina regras de trânsito de forma lúdica. Os trabalhos seguem até dia 11 de outubro e atenderão alunos de ensino fundamental da Cidade.

Segundo chefe da Seção de Educação e Segurança no Trânsito, Elaine Fornazieri,  o álbum figurinha está sendo entregue a todas as unidades de ensino infantil e fundamental. Já palestra complementar está sendo solicitada por algumas escolas.

A assistente técnico pedagógico da José Julio Martins, Janaína Martinho dos Humildes, informou que o trabalho de educação de trânsito é constante com os alunos da escola. “Há mais de quatro anos realizamos trabalho de educação com as crianças e já notamos que o número de acidentes envolvendo alunos que vão para a escola de bicicleta caiu bastante”. Segundo Janaína, o álbum de figurinhas entregue pela Setransp será utilizado em diversas atividades em sala de aula.

As atividades tiveram início durante a Semana Nacional de Trânsito que ocorreu entre os dias 18 e 25. Foram distribuídos 2 mil álbuns de figurinhas Tom e o Lobo, Uma Aula de Educação de Trânsito para Crianças, cinco mil sacolinhas de câmbio, além de folhetos e adesivos da campanha Trânsito + Gentil, da Porto Seguro.

Confira cronograma das escolas:

- 28 de setembro

EM Carlos Roberto Dias

EM Mário Santini

EM Elza Oliveira de Carvalho

 

- 1º de outubro

EM Izabel Figueroa

EM José Padin Mouta

EM Lions Clube Ocian

 

- 2 de outubro

Projeto SOS Bombeiros

 

- 3 de outubro

EM Antonio Perez

EM Maria Nilza da Silva Romão

 

- 4 de outubro

EM Roberto Shoji

EM Ary Cabral

 

- 5 de outubro

EM Sebastião Tavares

EM Thereza Magri

 

- 8 de outubro

EM Paulo Shigueo

EM Vila Mirim

EM Governador Mário Covas

 

- 9 de outubro

EM. G. Franco Montouro

EM Rubens Lara

 

- 10 de outubro

EM Maria Clotilde Lopes Rigo

EM Domingos Soares

EM Wilson Guedes

 

- 11 de outubro

EM Joaquim Augusto Ferreira Mourão

EM Cidade da Criança

Em Mário Possani

 
<< Início < Anterior 131 132 133 134 135 136 137 138 139 140 Seguinte > Final >>

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL

Ecovias

ecovias